Total Pageviews

There was an error in this gadget

Monday, May 17, 2010

Angola é mais importante para estabilização da África Austral que a África do Sul


O general José Loureiro dos Santos defendeu hoje que Angola é uma "potência muito importante" para a estabilização da África Austral, mais do que a África do Sul.
"Angola perfila-se na África Austral como uma potência com alguma estabilização. Tem melhores hipóteses do que a África do Sul, que tem problemas que não existem na ex-colónia portuguesa, nomeadamente o da propriedade dos solos", disse hoje o militar.
O general falava à Agência Lusa à margem do IV Congresso Internacional da África Lusófona, que decorre na Universidade Lusófona, em Lisboa.
Loureiro dos Santos disse ainda que Angola é também "importante para a estabilização do Atlântico Sul".
"Está muito próxima do Golfo da Guiné - zona muito crítica do Atlântico Sul. Pode criar um sistema de segurança, a que Portugal pode pertencer", acrescentou.
O general afirmou também que Angola "é um país rico, que se vê que está com ambição e que tem todos os elementos para, a prazo, se transformar numa democracia normal naquela região".
Na sua intervenção no Congresso, subordinada ao tema "Os Limites da Globalização", José Loureiro dos Santos destacou os Estados Unidos, a China, a Rússia, a Índia e o Brasil como os países "com poder de expansão global que se tenderá a acentuar".
"São ilhas com poder mundial. Reúnem os recursos naturais, a população e a capacidade de utilizar os factores geográficos para atingir os seus objectivos", afirmou.
Dirigindo-se aos países africanos, Loureiro dos Santos sublinhou que não os encara como "países necessitados da atenção misericordiosa dos mais desenvolvidos".
"Isso pertence ao passado. Têm triunfos suficientes para, a nível internacional, atingirem os seus objectivos", afirmou.
Lusa

No comments: